#FDOISD – Twitter, música e qualidade.

Tem pessoas que não são celebrities, mas que simplesmente se tornam “famosas” por terem seu trabalho reconhecido. Na minha opinião, isso é o que define a palavra sucesso, principalmente nos meios de comunicação. A jornalista Mariana Gross é uma dessas pessoas. A fama que seu trabalho trouxe nada mais foi que o seu reconhecimento. Quem é do Rio a conhece bem das suas inserções no noticiário levadas com simpatia e seriedade. Mas a repórter Mariana Gross é só o ponto de partida deste post.

Através dela, soube em seu twitter, @ladygross, que haviam feito música com um de seus poemas que ela havia postado no seu blog Suspirada. “Sem fecho” do incrível Rafael Lima.Fui eu xeretar a bendita música. E que tempo bem gasto. Fiquei ouvindo por alguns dias a tal música

Capa do primeiro álbum

Depois de não conseguir ouvir só “Sem fecho” eu fui atrás do trabalho de Rafael Lima. E que tempo bem gasto. Músicas com um tom delicioso. Coisa boa de ouvir nos headphones. Baladas como “Guerra Insensata” e “Deixa” fazem a gente curtir o som ainda mais profundamente.

A voz de Rafael carrega com propriedade cada verso de músicas com uma linha de composição clara e mensagem direta. O conjunto guitarra, baixo e bateria é muito bem executado. O álbum inicia com um a dançante “A Gente” com influências de black music e blues. Excelente pedida pra sábados à noite. A já citada “Sem fecho” é simplesmente apaixonante e tem um refrão daqueles grudentos, de fazer cantarolar no chuveiro e na mesa de trabalho. Há bastante tempo não me sentia emocionado com uma música de primeira. E quando ele ousa ser acústico também manda muito bem. Em “No espelho”, faixa que encerra o disco até agora, fica perceptível a sua versatilidade.

O projeto chamado de #FDOISD é o segundo disco de Rafael e seu projeto #F2D, idealizado para dividir com amigos composições baseadas no gosto pelo músico John Mayer. O primeiro disco teve uma recepção tão boa que levou Rafael a gravar esse segundo trabalho. Mais individual e com técnica e gosto apurado este álbum impregna o ouvido. Som gostoso de ouvir com muita qualidade de execução. Quando ele lançou Blue me em parceria com amigos como Marina Lima Câmara, mais ou menos uma semana atrás eu me emocionei com a música verdadeiramente. E é assim que ela é: emocionante. Parabéns pra essa produção conjunta, também.

Vendo seus últimos posts no seu .tumblr eu entendi e vi sentido na monografia que fiz. A comunicação direta entre ele (artista) e seus followers (público) foi o principal meio de divulgação do trabalho de Rafael e seu projeto #FDOISD. Rafael cita a ajuda dos próprios followers na divulgação do álbum neste post aqui.

“Obrigado galera, pela sede ao pote e por comprarem meu barulho (literalmente), bem ainda não foi comprado, vai, foi baixado… Obrigado por downloadearem meu barulho.”

Só consegui fechar esse post agora que acabei de ouvir todas as músicas no SoundCloud. Fiquei muito empolgado e envolvido com esse álbum. Tudo é tão legal que não dá vontade de parar de ouvir.

O trabalho de Rafael Lima #FDOISD sai em cd (vulgo “versão física”) no comecinho de abril. Estaremos aguardando a versão final.

Tumblr de Rafael Lima

SoundCloud de Rafael Lima

4Shared com link do primeiro álbum.

Twitter do Rafael – @limamemorabilia

Enjoy 😉

Anúncios

One thought on “#FDOISD – Twitter, música e qualidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s